FNQ realiza Assembleia Geral Ordinária

13/06/2017

Filiados prestigiaram e aprovaram as prestações de conta de 2016

A Fundação Nacional da Qualidade (FNQ) realizou, no último dia 8, na capital paulista, sua Assembleia Geral Ordinária de filiados, representados pessoalmente e por meio de procurações, para aprovação das contas referente ao exercício 2016 da entidade. Contou, também, com a presença dos conselheiros, diretores e colaboradores da FNQ. 

O presidente executivo da FNQ, Jairo Martins, foi o condutor da reunião, onde tratou das questões institucionais e atualizações do estatuto e do regimento internos da Fundação. Na ocasião, apresentou, oficialmente, aos filiados presentes, o novo presidente do Conselho Curador, Osório Adriano Neto, vice-presidente do Grupo Brasal.

Em seu discurso, Osório reforçou a importância da Fundação e os desafios daqui para frente. “Estamos inseridos em um mundo digital, passamos por uma revolução no modo de gerir as organizações, temos o MEG atualizado, que veio para ficar, e precisamos fazê-lo chegar a um número cada vez maior de empresas. Tudo isso, sem contar que, como uma entidade sem fins lucrativos, precisamos sobreviver para colocar em prática todas as nossas atividades e desenvolver nossos produtos e serviços”, comentou Osório. “Vejo a FNQ como um nicho de conteúdo aplicado riquíssimo, fruto dos mais de 25 anos de atuação, que é um diferencial perante o mercado. Temos de investir na educação e disseminar tudo o que conhecemos”, completou. O presidente do Conselho Curador finalizou seu discurso assumindo um compromisso. “Meu papel é ouvir o universo da FNQ e contribuir para a disseminação da gestão para excelência e ajudar o País a retomar a sua competitividade”, finalizou.

Na sequência, Jairo Martins falou sobre a atuação da FNQ no ano passado e os reflexos, em 2017, de ações iniciadas em 2016. “Sofremos drasticamente com o cancelamento, as postergações e a redução de escopos de projetos, tivemos desfiliações de mantenedores com valores de contribuição altos, além da queda vertiginosa de receita proveniente de patrocínio e de contratação de capacitação. Apesar desse cenário adverso, tivemos uma reação rápida, ainda no primeiro semestre, com a convocação de reunião extraordinária dos Conselhos Curador e Fiscal e da Diretoria para propor, discutir, aprovar e colocar em prática ações de correções de desvios”, lembrou Jairo. “O foco na nossa causa e a determinação de nossa equipe são fundamentais para a continuidade de nossa atuação”, completou.

Durante a Assembleia, foram apresentados o parecer da auditoria externa, PwC, sobre o balanço financeiro da FNQ, que não teve ressalva alguma sobre os dados, e, ainda, os demonstrativos financeiros da Fundação.

O gerente de Portfólio, Operações e Conhecimento da FNQ, Marcos Bardagi, deu início à sua participação com uma pergunta direta. “Se não formos nós, da FNQ, para mitigar os problemas da gestão, quem será”, indagou. Bardagi enfatizou o propósito da Fundação, que é melhorar a gestão no Brasil, “propósito esse que é transformador e abrangente, além de mobilizador”, completou.

Bardagi apresentou o direcionamento estratégico da FNQ e falou do vínculo da Fundação com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), da ONU (saiba mais sobre o assunto aqui). Reforçou o que o novo presidente do Conselho havia dito em seu discurso, de que a educação é o pilar do futuro e apresentou o novo reconhecimento da FNQ, o Melhores em Gestão® (leia mais aqui).     

Natália Costa, da área de Relacionamento e Negócios da FNQ, falou sobre o trabalho realizado pela equipe junto aos seus filiados, destacou os benefícios e, principalmente, o apoio à causa, agradeceu a presença de todos e, logo em seguida, coordenou a entrega dos certificados por tempo de filiação - 5, 10, 15, 20 e 25 anos, que foi realizada por Jairo Martins e Osório Neto (veja fotos abaixo).

Para encerrar a tarde, Reynaldo Goto, diretor de compliance da Siemens, brindou os participantes com a palestra “Governança e compliance”, na qual apresentou a correlação dos oito Fundamento do MEG com os principais itens referentes à governança, ética e compliance, um verdadeiro aperitivo para quem pretende prestigiar o Congresso FNQ de Excelência em Gestão (CEG), que acontece em 27 de junho, em São Paulo, sob o tema Governança, Ética e Transparência (leia mais aqui).

Loading
Comentários
Para escrever comentários, faça seu login ou conecte-se pelo Facebook ou Linkedin
Carregando... Loading
Carregando... Loading